Cada indivíduo tem sua própria história sobre como ingressou em uma profissão, e não é diferente com os fotógrafos. Aqui eles ainda citam as razões pelas quais são apaixonados pelo que fazem. Como por exemplo, a fotografia para Burk Uzzle nada mais é do que uma relação de amor com a vida. Já Diane Arbus pensava que se ela não registrasse algo, ninguém acreditaria. E Josef Koudelka tinha convicção de que boas fotografias poderiam render diversas histórias mutuamente.

Além de instigante é encorajador saber o que os fotógrafos vêem de tão especial na fotografia. Então, procuramos fotógrafos de diferentes cantos do mundo e pedimos para compartilharem conosco as razões pelas quais são apaixonados pela fotografia. É uma bela maneira para comemorar o Dia Mundial da Fotografia, não? Além disso, as respostas que obtivemos são inteligentes e sinceras, o que irá te inspirar para dar início a uma bela aventura.

 

Mikael Theimer

Eu me sinto mais conectado com o mundo que me cerca graças à fotografia. Consigo conversar com qualquer pessoa ao meu redor porque a câmera, muitas vezes, tem o poder de quebrar a tensão momentânea. Além disso, a fotografia é como uma chave mestra, me abre portas para os lugares mais inusitados e que se não fosse por ela eu nunca cogitaria ir. Também mudou minha visão mundana, me tornei mais empático e de certa forma mais ciente de que as pessoas têm realidades diferentes.

A capacidade de tornar possível o congelamento de momentos e fazer com que eles sejam infindáveis é o que faz a fotografia ser especial para mim. Eu amo a fotografia de rua e retratos acima de qualquer outra categoria fotográfica, pois capturam a essência da vida dos indivíduos e você mesmo pode experienciar o momento. Por isso, a fotografia não é apenas uma viagem no tempo, ela consegue fazer com que o espectador sinta na pele os sentimentos capturados.

Photographers From Around The World Share Reasons Why They Love Their Profession

© Mikael Theimer

 

Liam Wong

A habilidade de registrar o mundo como você realmente o vê, incluindo as coisas que te chamam atenção e que te animam, é o que faz a fotografia ser especial para mim. É incrível poder fazer as pessoas lembrarem de memórias vivenciadas anteriormente ou até mesmo motivá-las, com apenas uma imagem compartilhada na internet. Além de ser uma maneira de expressão criativa, aprendo mais sobre composição e cores.

Estou a todo momento aprendendo algo novo com a fotografia. Eu sempre ficava trancado em casa trabalhando em uma mesa, e a fotografia me deu a oportunidade de conhecer novos lugares e pessoas, e é outro motivo pelo qual eu amo a fotografia. As lembranças que eu mais adoro é de ter rodado por cidades a noite com pessoas maravilhosas que conheci por meio da fotografia.

Interview with Liam Wong

© Liam Wong 

Eldar Khamitov

A fotografia é a mola propulsora para a minha própria expressão. Me livra do estresse do cotidiano e me tira do tédio, me acalmando e me permitindo estar mais presente momentaneamente. Além de me deixar super bem, fotografar é como se eu estivesse meditando.

A melhor combinação é poder fazer o que gosta e conseguir se garantir financeiramente.

Photographers From Around The World Share Reasons Why They Love Their Profession

© Eldar Khamitov

 

Zamurovic Brothers

Ivan Zamurovic

A fotografia teve um impacto gigante na minha vida quando eu soube da possibilidade de contar uma história do início ao fim, por meio de uma única foto, que levou menos de segundos para ser tirada.

Fui sortudo porque pude presenciar a maior evolução fotográfica das câmeras digitais. Essa evolução abriu portas para minha criatividade e consegui expressar mais facilmente meus pensamentos e histórias através de softwares de edição.

Atualmente, vivemos num mundo conectado onde todos compartilham suas histórias, fazem publicações em blogs, fazem programas de TV e etc, então, contar uma história com uma única foto é de extrema importância.

Se você quer contar uma história, o melhor modo de fazer isso em um mundo cheio de informações é através da fotografia. Uma única imagem pode contar grandes histórias e ao mesmo tempo ser precisa.

Ser um fotógrafo de banco de imagem, pra mim é ser livre.

Ser livre para criar.

Ser livre para fazer o que sinto vontade.

Ser livre para ficar com minha família quando eu quiser.

Ter independência financeira.

Photographers From Around The World Share Reasons Why They Love Their Profession

© Zamurovic Brothers

 

Bojan Zamurovic

O nosso pai também era fotógrafo. Ele amava a fotografia, mas em nenhum momento nos obrigou a seguir seus passos. O observar de longe nos instigou a aprender e conhecer mais sobre a fotografia. Quando ele comprou a sua primeira câmera digital já estávamos entusiasmado. O estopim para que eu e meu irmão começássemos a fotografar foi a digitalização da fotografia, pois crescemos na era digital.

As câmeras facilitam o seu posicionamento no mundo e permitem a captura de memórias, em nenhum momento tivemos mãos de artista e muito menos poderes especiais. Desde esse momento, a fotografia virou nossa forma de expressão, de criar memórias, de fazermos grandes feitos, e mais ainda, de sermos irmãos.

Há inúmeras razões para eu amar meu trabalho.

Vou tentar mostrar as mais importantes.

Vislumbre um dia qualquer com sua família.

Pense que vocês estão aproveitando muito e você gostaria de ficar mais um pouco com eles.

Tente imaginar que você irá ficar com eles o dia inteiro!

Imagine também que você, de algum modo, ficará com eles curtindo o tempo que desejar.

Eu, particularmente, não preciso idealizar nada disso.

Além do mais, eu trabalho com o meu irmão. Logo, até mesmo quando estou no trabalho, continuo vendo minha família e o outro fato é que ele é o único funcionário além de mim.

Nós somos responsáveis por criar. Existe uma emoção a mais quando você está realizando uma tarefa criativa. E isso temos de montão.

Portanto, não existe outra profissão na qual eu gostaria de estar neste momento. É impagável.

10 Fun and Useful Food Photography Tips and Tricks

© Zamurovic Brothers

Dina Belenko

Para mim, a fotografia é sobre liberdade de expressão. É dar origem a sua realidade pessoal de uma maneira mágica, e melhor ainda se estiver lidando com natureza-morta. Você pode facilmente controlar os objetos, até parece que está dirigindo um filme dando ordem para os protagonistas, que no caso podem ser até mesmo xícaras e biscoitos. Precisa de um dragão? Então desenhe e recorte o papel. Precisa de um castelo? Monte um com cubos de açúcar! Você pode construir a história que quiser!

É simplesmente libertador. Você é o único responsável por trabalhar no seu próprio mundo. Existe algo mais divertido que isso?

Honestamente, eu amo muito ser fotógrafa porque adoro um conforto. Trabalho em casa, então só preciso de duas coisas: meu pijama e uma xícara de café, depois é só “deitar e rolar” no sofá.

Adoro poder ter controle sobre minhas horas, posso fazer pausas quando quero, ficar acordada até tarde da noite terminando um projeto difícil, mas que me entretém. Eu amo ser fotógrafa pois não tenho um chefe exigindo algo, eu mesma sou minha chefe e posso definir meus próprios objetivos.

Photographers From Around The World Share Reasons Why They Love Their Profession

© Dina Belenko

 

Jesus Ortiz

A arte que produzo está canalizada na mistura da ilustração e da fotografia, no entanto, eu iniciei minha vida fotográfica bem antes da ilustração. Acredito que a fotografia, juntamente da ilustração me auxiliaram na tentativa de transmitir uma mensagem ao mundo.

No mundo de hoje, tenha em mente que “menos é mais”, por isso as imagens fazem tanto sucesso, pois elas se expressam com muito pouco. Atualmente, temos muita informação a qualquer momento, por isso a importância de captar essa primeira impressão quando se visualiza uma imagem.

Essa profissão me concede a liberdade de ser proprietário do meu trabalho. Como eu não tenho um patrão, eu posso fazer o que eu gosto verdadeiramente.

Para mim um trabalho inovador tem que ser preparado com o coração. Por isso, raramente trabalho por remuneração. Acredito que se assemelha ao trabalho de um pintor. O cliente só compra o material se conectar-se com a obra.

É de extrema importância para mim estar fazendo o que, de fato, gosto. Eu prefiro dizer que eu não escolhi a arte, mas a arte me escolheu.

Photographers From Around The World Share Reasons Why They Love Their Profession

© Jesus Ortiz

 

Rosa Roth

A sua visão pessoal do mundo pode ser descrita por uma única imagem. É emocionante capturar um momento decisório. Sinto como se estivesse em uma caça ao tesouro. É muito empolgante aguardar a revelação da fotografia e presenciar o fruto do seu trabalho duro. Como é a foto final editada? Você conseguiu registrar a cena que viu no momento certeiro? É irrevogável que essa é a jornada visual mais audaciosa que posso compartilhar.

Como editor, contemplo diversas fotos durante o dia. Sou apaixonado em encontrar talentos que surgiram ao redor do mundo e apoiá-los em suas carreiras. THE SMART VIEW é meu projeto do coração. Quando eu tomei essa iniciativa há 5 anos, eu tinha a necessidade de que os fotógrafos tivessem voz ativa no mercado artístico. Esse projeto tem como essência reunir todas as habilidades que coletei no decorrer da minha experiência como fotógrafo e designer gráfico, e eu gosto bastante de corrigir fotos e trocar conhecimentos com fotógrafos de todas as partes do mundo.

Photographers From Around The World Share Reasons Why They Love Their Profession

THE SMART VIEW / ©  Moises Levy

 

Andrey Gudkov

Há quase 20 anos, eu iniciei com a fotografia da vida selvagem. Como todo iniciante, tive muitos deslizes. No entanto, sempre cultivei muita curiosidade por este ramo. Com o passar do tempo e com o ganho de experiência, fui desenvolvendo meu próprio estilo. O segredo para o sucesso é sempre praticar para refinar suas habilidades. Ser criativo ajuda aprimorar suas ideias. O aperfeiçoamento técnico do seu material fotográfico te dá a chance de executar melhor as tarefas mais complicadas.

O universo dos animais selvagens é extremamente complicado, enigmático e reservado. A aprendizagem sobre esse gênero pode ser demorada. Na maioria das vezes, as primeiras tentativas dão sempre errado e nada sai como planejado. Apesar disso, ser paciente, perseverante e ter a capacidade de pensar de formas diferentes ajudam a resolver o problema.

Profissionais que fazem fotos de animais em seu habitat natural tiveram que “pensar fora da caixa” para entender esse novo gênero, pois a foto tem por objetivo transmitir ao público, o que de fato, ocorre de mais curioso ali. A parte complicada da coisa está atrás dessa tarefa, que normalmente não tem visibilidade. E o público admira exclusivamente a aparência final das fotos.

Lamentavelmente, se torna mais complicado a cada ano que passa, tirar fotos de animais selvagens por “N” motivos. Como por exemplo, o alto índice no aumento populacional, a diminuição dos espaços naturais onde vivem os animais resultando no desaparecimento dessas espécies, parques proibindo fotos, despesas com licenças, disputas no meio fotográfico e acesso exagerado a ferramentas profissionais. Todavia, todas as dificuldades só tornam a vida de um fotógrafo da vida selvagem ainda mais rara, poética e principalmente árdua.

Wildlife Photographer Andrey Gudkov on Expeditions, Gear, and Danger

© Andrey Gudkov

Prezados fotógrafos,

Feliz Dia Mundial da Fotografia!

Assine nosso blog

Mantenha-se atualizado com as tendências, obtenha dicas e insights valiosos, além de materiais bônus.